sexta-feira, 27 de julho de 2012

Em versão quase final, 'PES 2013' volta a ter partidas mais velozes

Sex, 27 de Julho de 2012 Do G1
Konami mudou a velocidade do game em relação ao teste feito na E3.
G1 testou game em versão próxima da que estará nas lojas em setembro.
Enquanto o lançamento de "Pro Evolution Soccer 2013" não chega, a Konami trabalha para tentar deixar o game mais real e mais próximo dos gamers brasileiros. Para isso, a produtora japonesa traz todos os times brasileiros que participaram da Copa Libertadores em 2012, craques como Neymar, do Santos, reproduzidos fielmente e uma réplica virtual do Estádio Urbano Caldeira, a Vila Belmiro.
01jogod
A convite da Konami, o G1 jogou uma versão ainda em desenvolvimento de "PES 2013", a última antes do lançamento oficial do game, previsto para 30 de setembro, de acordo com a empresa. No teste, assim como na demonstração lançada na quarta-feira (25), já é possível jogar uma partida no estádio do Santos e participar da competição continental desde a fase de grupos.
O game tem previsão de lançamento para o dia 30 de setembro em versões para PC, PlayStation 3, Xbox 360, Nintendo 3DS, PSP, PS2 e Wii.A primeira mudança a ser percebida entre esta versão e a da que a reportagem jogou durante a feira Electronic Entertainment Expo (E3) 2012 está no visual. Os jogadores estão com mais detalhes e, principalmente, nos replays, os detalhes dos estádios e do gramado parecem melhores. As imagens também não travam tanto quando na feira.
Jogo mais rápido
01joog
Outro ponto a ser destacado é que a velocidade do game aumentou. Se na E3 ele estava mais lento, próximo de "Fifa", agora o game voltou a ser mais rápido. Os jogadores mais habilidosos como Cristiano Ronaldo, por exemplo, conseguem cruzar o campo rapidamente, mostrando que o título deixa de querer se parecer com a série rival e volta para um esquema de jogo conhecido dos fãs. Com Neymar, é possível driblar o time adversário inteiro e chutar ao gol, sem a necessidade da ajuda de um colega de equipe. Se na feira de games o título apresentou mais cadência, agora ele voltou a ser o "PES" tradicional.
Os passes saem instantaneamente ao pressionar o botão de passe (na versão testada durante a E3 o atleta levava alguns segundos até acertar o "pé") e os chutes estão precisos. O jogador, contudo, deve cuidar para não levar tempo demais segurando o botão para que a bola não saia pela linha de fundo.
A "manha" de entrar com um jogador na área, passar para um companheiro que chuta de primeira ao gol continua eficaz no título. Chutes de fora da área com jogadores habilidosos também funcionam bem. Os goleiros, contudo, estão melhores, e fazem defesas mais inteligentes. Dificilmente eles vão sair na bola no momento errado e entregar um gol de bandeja.
Neymar é um dos atletas que fazem parte do recurso "Player ID", que mapeou os atletas para levar seu modo de correr, de passar a bola, de driblar e de chutar ao gol. Isso pôde ser visto durante o teste: mesmo de longe, já era possível saber que o atacante estava com a bola. Na comemoração do gol, ele dança "Ai, se eu te pego", de Michel Teló.
O estádio da Vila Belmiro é uma das grandes surpresas de "PES 2013". Os produtores da Konami, que estiveram no Brasil para assistir a partidas do Santos, reproduziram detalhes do local como os morros e prédios ao redor do estádio, incluindo as arquibancadas e os camarotes que mantém os torcedores próximos do campo.
Com uma versão próxima da final que traz partidas mais velozes, "PES 2013" foge um pouco de se parecer com o rival "Fifa" - sem contar com o sistema de dribles - e volta ao esquema tradicional que os fãs gostam há anos. Talvez, a Konami tenha decidido se diferenciar justamente para evitar as brigas entre ela e a EA: uma diz que a outra copiou o seu game de futebol.

Nenhum comentário:

R7 - Notícias do Brasil

Agazeta.Net

Band - Notícias

Band - Esporte

Notícias Bizarras

Click Jogos - Jogos Online