sexta-feira, 27 de julho de 2012

Terror e morte no Caladinho

Qui, 26 de Julho de 2012 Redação/Ecos
26-07-12-morte-faisca
Acusado de estupro, roubo e ameaças é morto em confronto com a Polícia Militar
A comunidade do Bairro do Caladinho viveu momentos de terror na noite desta quinta-feira (26), após policiais militares do serviço reservado do 5º Batalhão matar a tiros Anderson Franco dos Santos, 19, anos, "O Fumaça"  elemento de alta periculosidade, que na companhia de outras pessoas, vinham aterrorizando moradores e comerciantes da localidade.
"Fumaça" e seu irmão gêmeo, conhecido pela alcunha de “Faísca" são acusados de comandar uma gangue que estaria realizado assaltos, furtos e até estupros pelos bairros Montanhês, caladinho e Tancredo Neves.


26-07-12-faiscaNa noite desta quinta-feira, policiais militares realizavam um patrulhamento pelas ruas do bairro Caladinho quando se depararam com o bandido, que estava com mandado de prisão em aberto, durante a abordagem “Fumaça” empreendeu fuga e invadiu uma residência e fez a proprietária de refém, os militares tentaram imobilizar o acusado que armado com uma faca tipo peixeira investiu contra os policiais e acabou sendo atingido com um tiro e morreu a caminho do Pronto Socorro, dentro de uma viatura do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência - SAMU momento em que recebia atendimento de paramédicos.
26-07-12-marileneA mãe de Anderson “Fumaça”, Marilene Franco dos Santos, que também era procurada pela polícia, foi presa durante a ação policial.
Até o momento equipes das polícias Militar e Civil realizam uma varredura pelos bairros e em uma área de mata fechada, onde o irmão de Andrew estaria escondido.
Dias de medo – Segundo os moradores do caladinho há cerca de seis meses Anderson e seu irmão conhecido como “Faísca” vinham comandando uma gangue que promovia pânico a moradores e comerciantes do Caladinho. Sem se importar com a polícia os gêmeos “Faísca” e “Fumaça” realizavam arrastões, arrombamentos, assaltos e estupros pelo bairro.
Um pequeno comerciante local foi alvo dos marginais por mais de cinco vezes e após denunciar o caso a polícia teve seu estabelecimento parcialmente destruído por um incêndio provocado pela gangue.
26-07-12-comercianteGangue tenta invadir comércio ao perceber que líder estava morto
De acordo com informações de testemunhas no momento em que paramédicos do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência – SAMU tentavam reanimar Anderson Franco, “Fumaça” integrante da gangue por ele comandada tentou invadir estabelecimento de comerciante que denunciou o bando a Polícia e divulgou na Imprensa ameaças de morte sofrida.
Imediatamente o Comandante do 5º Batalhão da Polícia Militar responsável pelo policiamento na região enviou uma guarnição para o local a fim de garantir a segurança do comerciante e da família.

Nenhum comentário:

R7 - Notícias do Brasil

Agazeta.Net

Band - Notícias

Band - Esporte

Notícias Bizarras

Click Jogos - Jogos Online