domingo, 11 de novembro de 2012

Prefeito eleito de Tarauacá denuncia ameaças de morte


O prefeito eleito de Tarauacá, médico Rodrigo Damasceno, anda preocupado diante de vários telefonemas anônimos com ameaças de morte e de uma tentativa de atentado no momento em que ele prestava plantão médico noturno na Maternidade do município. Segundo ele, as ameaças começaram depois do pedido de transição administrativa formulado à administração municipal. Diante dos fatos, Rodrigo Damasceno protocolou pedido de proteção de vida ao comando da Polícia Militar de Tarauacá, que colocou à disposição dele um policial militar 24 horas por dia.
Ele disse que acredita muito nas medidas que podem ser tomadas pelas autoridades estaduais e municipais e espera as devidas providencias para que a transição na Prefeitura de Tarauacá ocorra em clima de paz. “Meu único objetivo é saber como andam as contas do município, saber como está a arrecadação, quantos convênios foram firmados e como receberemos a prefeitura no dia 1º de janeiro de 2013” – disse ele.
O médico Rodrigo Damasceno achou por bem não atender mais telefonemas de número desconhecido porque uma média de sete ameaças de morte é proferida por dia ao prefeito eleito como forma de intimidá-lo. “Nós não vamos nos intimidar diante desses fatos porque temos direito a essa transição administrativa e confiamos no Judiciário de Tarauacá” – assegurou.
Na terça-feira passada 6, o vice-prefeito eleito de Tarauacá Chagas Batista também recebeu um telefonema dando conta que o delegado de polícia estaria no interior da residência dele. Ele recebeu ainda alguns telefonemas anônimos e ameaçadores dando conta que tivesse cuidado porque os seus adversários poderiam “armar” contra ele. A onda de telefonemas anônimos e ameaçadores preocupa os membros da Frente Popular de Tarauacá.

Fonte: Agazeta.net

Nenhum comentário:

R7 - Notícias do Brasil

Agazeta.Net

Band - Notícias

Band - Esporte

Notícias Bizarras

Click Jogos - Jogos Online