quinta-feira, 25 de outubro de 2012

Rede Massa recebe terceira multa eleitoral por privilegiar Ratinho Junior em Curitiba.


Rede Massa, retransmissora do SBT em Curitiba, foi multada pela terceira vez em três dias pela Justiça Eleitoral, que entendeu que seus programas têm privilegiado a candidatura à Prefeitura de Curitiba de Ratinho Junior (PSC) -- filho do apresentador Carlos Massa, o Ratinho, proprietário da emissora – em detrimento do candidato Gustavo Fruet(PDT).

A juíza eleitoral Renata Estoril Baganha fixou a multa em R$ 170.256. Cabe recurso da decisão ao TRE-PR (Tribunal Regional Eleitoral do Paraná).

Depois de Ratinho Jr. liderar as pesquisas na reta final do primeiro turno, Fruet saiu das urnas na frente do candidato do PTC, e é apontado na liderança por pesquisa Ibope da última sexta-feira (19), com 49% das intenções de voto, contra 39% de Ratinho Jr.



A terceira condenação da Rede Massa, segundo a decisão da juíza Renata Baganha, divulgada nesta terça-feira (23) foi provocada pelo comentário dos jornalistas que compunham a bancada do Jornal da Massa sobre as alianças de Ratinho Jr. com o Rafael Greca (PMDB) e de Fruet com o PT e Rubens Bueno (PPS).

Greca foi derrotado no primeiro turno, e Bueno ocupava a vice na chapa do prefeito Luciano Ducci (PSB).

A juíza entendeu que “percebe-se nitidamente que os apresentadores exaltam o apoio de Rafael Greca ao candidato Ratinho Jr (...) [e] declaram ser negativo o apoio do candidato à vice-prefeito no primeiro turno Rubens Bueno, e do PT, a Fruet”, segundo escreve ela na decisão.

As três multas somam R$ 297.948. As decisões foram concedidas com base em representações à Justiça Eleitoral da coligação de Gustavo Fruet.

Mais cedo nesta terça-feira, em entrevista ao UOL, o advogado Iggor Gomes Rocha, que atende a Rede Massa comentou a segunda multa aplicada à empresa. “A empresa está realmente surpresa com a série de condenações, e com a quantidade de ações ajuizadas, já que seu departamento de jornalismo sempre preza pela imparcialidade e jamais excedeu a liberdade de imprensa e o legítimo direito a critica”, afirmou.

Fonte: Ecos da Notícia

Nenhum comentário:

R7 - Notícias do Brasil

Agazeta.Net

Band - Notícias

Band - Esporte

Notícias Bizarras

Click Jogos - Jogos Online